Palestino que carregava explosivos é detido na entrada de tribunal israelense

Um palestino que carregava escondido um explosivo foi detido hoje (17) na entrada de um tribunal militar israelense no território ocupado da Cisjordânia, sem que conseguisse causar danos, informaram fontes policiais.

“Unidades da Polícia de Fronteiras que fizeram medidas de segurança na entrada de um tribunal militar em Samaria, na região de Salem, detiveram um suspeito palestino que tentou entrar na área com uma bomba”, informou a polícia israelense.

“A área está fechada enquanto especialistas em desativação de artefatos examinam a bomba suspeita. Não foram registrados feridos”, acrescentou o comunicado da polícia.

O incidente coincide com um aumento da tensão na região desde que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reconheceu no dia 6 de dezembro Jerusalém como a capital de Israel, uma declaração que os palestinos rejeitam e que os levou a descartar Washington como mediador em qualquer processo de paz.

Desde o discurso de Trump, houve uma série de manifestações violentas e confrontos entre grupos de palestinos e forças de segurança israelenses e disparos de foguetes desde Gaza com bombardeios israelenses em represália, nos quais morreram oito palestinos e centenas ficaram feridos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here